Casagrande anuncia novas medidas e diz que auge do Coronavírus no ES será em abril

O governador disse ainda que durante a semana vai avaliar a dinâmica nos terminais e linhas de ônibus que precisam de reforços.

Em entrevista coletiva na tarde desta segunda-feira (23), via internet, o governador Renato Casagrande reforçou o cuidado para que os capixabas fiquem em isolamento, para evitar a transmissão do Novo Coronavírus.

O governador garantiu que está monitorando a situação do Estado e falou sobre as aglomerações dentro de ônibus e terminais rodoviários registrados nesta segunda-feira.

“Nós estamos num momento de preparação para guerra. Não são dias normais, então nós já tivemos 60% a 70% de redução no número de pessoas no transporte coletivo. Muita gente deixou de viajar, mas se é um momento de guerra, as pessoas tem que se comportar de forma diferente também”, afirmou.

Casagrande disse ainda que durante a semana vai avaliar a dinâmica nos terminais e linhas de ônibus que precisam de reforços.

Aglomerações
O governador falou também sobre a aglomeração de pessoas em feiras livres e igrejas e disse que vai tomar novas medidas para evitar a movimentação de pessoas nesses locais.

Testes
Renato Casagrande falou ainda que espera que nesta semana aumente a capacidade do Laboratório Central (Lacen) de realizar testes da doença.

Auge da Pandemia
O governador disse também que o auge da pandemia ainda está para chegar. Segundo os estudos realizados pelo governo, a partir do 20 de abril haverá o período de contaminação maior, por isso a necessidade de que a população fique em casa e se previna da doença.

Comércios
Sobre os comércios que insistem em ficar abertos durante o período de quarentena, Casagrande disse que não descarta cassar o alvará de funcionamento dessas empresas e multar os comerciantes que descumprirem a determinação de fechamento.

Hospitais de Campanha
O governador também falou que o Estado quer abrir 300 leitos de UTI para atender a demanda de pacientes, que pode aumentar nos próximos dias. Para isso acontecer, o governo está em contato com os hospitais locais e fornecedores de equipamentos de fora do Estado para a compra de respiradores. Casagrande disse que está em análise a construção de hospitais de campanha, caso tenha necessidade.

Aeroporto e Rodoviária
O governo do Estado também disse que está analisando a criação de uma ‘barreira sanitária’ nas rodoviárias municipais e no Aeroporto de Vitória. A ideia é fazer uma parceria com as prefeituras e realizar abordagens aos passageiros falando sobre a prevenção da doença.

Empresários

Segundo o governador, para que os impactos do Novo Coronavírus na economia sejam minimizados, o governo está postergando prazos de documentos, validando certidões negativas, abrindo linhas de financiamento e que novas medidas serão anunciadas ao longo dos dias.

Segurança Pública

O governador afirmou que o Estado está adquirindo luvas e álcool em gel para que os policiais e demais profissionais da segurança pública possam ficar protegidos durante a pandemia.

Bolsonaro
Casagrande também falou sobre a forma como o presidente Jair Bolsonaro está conduzindo o governo federal durante o período de quarentena. “Convencido por ele mesmo ou convencido pela realidade, o presidente Bolsonaro começou a tomar algumas medidas de apoio para tentar reduzir o impacto dessa crise, mas ele ainda dá declarações muito contraditórias”, afirmou.

“A condução do presidente da república está sendo avaliada de forma negativa pela sociedade brasileira, não é pelos governadores, é pela sociedade brasileira. Numa realidade dessas, que envolve vidas, é melhor você pecar pelo excesso do que você menosprezar e depois sofrer muito. Quanto mais a gente tomar de medidas agora, melhor será o impacto”, completou.

Colheita do Café

Com a colheita do café se aproximando, o governador disse que vai pedir que as prefeituras controlem a barreira sanitária dos municípios, para impedir que trabalhadores infectados com a doença venham para o Estado.

Queda de receita
Casagrande reforçou que o Estado está se preparando para a redução de receita e que amanhã vai enviar projetos para a Assembleia Legislativa sobre calamidade pública e contratação em regime especial de serviços e equipamentos.

Repasses federais

Renato Casagrande considerou bom o repasse do Governo Federal de R$8 bilhões para a saúde. Segundo ele, se concretizado isso, o Espírito Santo vai receber em torno de R$72 milhões. Porém achou pouco o valor de R$ 2 bilhões destinados a Assistência Social.

Ônibus interestaduais

O governador revelou que o Estado também estuda, junto ao Ministério dos Transportes, barrar a entrada e saída de ônibus interestaduais em Vitória.

Saques em comércios

Casagrande garantiu que a segurança pública está empenhada em proteger também os comércios que estão fechados durante o período de quarentena. O Estado busca uma parceria com a segurança privada, para juntos, impedir saques e outros crimes contra o patrimônio.

Aulas online

Atividades escolares remotas estão sendo avaliadas e discutidas pelo Estado. Segundo o governador as alternativas de conectividade estão sob discussão, mas até o momento não há decisão tomada sobre o tema.

Presídios e detentos

Questionado sobre a situação do sistema prisional, Casagrande disse que a Secretaria de Justiça já tomou medidas restringindo o acesso de visitantes aos presídios e que os presos estão sendo monitorados.

Abastecimento de produtos

O governador agradeceu aos profissionais do transporte pelos serviços prestados mesmo em meio a pandemia e disse que não há registro de desabastecimento de alimentos e/ou outros produtos em supermercados.

Profissionais da saúde

Sobre o monitoramento dos profissionais da saúde, Casagrande informou que o Estado está comprando mais equipamentos de proteção individual para garantir as condições ideais para médicos, enfermeiros e técnicos envolvidos no atendimento da saúde.

Pessoas em situação de rua

Questionado sobre como o governo está lidando com as pessoas em situação de rua, o governador disse que as secretarias de assistência social estão adotando medidas que serão anunciadas pelo Estado nos próximos dias.

Confira todas as medidas informadas pelo governador:

Redação Folha Vitória

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: