Estudante fica cega depois de ser atingida por onda e contrair doença rara

A jovem esqueceu de tirar lentes de contato ao entrar na água e desenvolveu infecção crônica da córnea causada por protozoário parasita

Uma jovem britânica disse ter ficado cega depois de uma onda atingi-la na região dos olhos durante viagem com a família em Malta, arquipélago situado na região central do Mediterrâneo.

De acordo com informações do tabloide The Sun, Miyako Aiko-Murray, de  20 anos, esqueceu de remover a lente de contato do olho esquerdo antes de entrar na água.

Uma semana depois, ao voltar para casa, a estudante de contabilidade notou que os dois olhos lacrimejavam. Em seguida, passou a sentir dor na região e sensibilidade aguda à luz.

Após consultar um especialista, Miyako descobriu ter contraído uma doença rara, a ceratite por Acanthamoeba, uma infecção crônica da córnea causada pelo protozoário parasita Acanthamoeba spp.

Com o acúmulo de licenças médicas para tratar o problema, a jovem precisou deixar o emprego. “Em março de 2019, peguei uma infecção bacteriana secundária, que causou enormes cicatrizes na córnea”.

Alguns profissionais informaram à família de Miyako que a jovem não conseguira mais recuperar a visão. “Acordei uma noite sem visão. Só consigo enxergar luz”.

Ele também teve que trancar os estudos e tem dificuldade em realizar tarefas diárias. A partir daí, uma campanha no site de arrecadação Gofundme foi lançada para financiar o tratamento da jovem. A vaquinha online conseguiu levantar mais de R$ 31 mil. “As mensagens e doações colocaram um sorriso de volta no rosto de Miyako, mesmo nesse momento sombrio”, comemorou Pearl Murray, o organizador da campanha.

Com informações do The Sun! 

Redação Folha Vitória

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: