Qual é a origem da Quarta-feira de Cinzas? Saiba mais sobre a celebração!

A data é inspirada em um antigo ritual judaico, que remete à fragilidade da vida humana, transitória e sujeita à morte.

Quarta-feira de Cinzas, pós-Carnaval e o ritmo ainda lento depois dos dias de folia. Mas você sabe a origem dessa celebração cristã?

O Carnaval antecede o início da Quaresma – os quarenta dias de purificação, segundo o calendário cristão, que vão da Quarta-feira de Cinzas até o domingo de Páscoa.

A Quarta-feira de Cinzas é inspirada em um antigo ritual judaico, que remete à fragilidade da vida humana, transitória e sujeita à morte. No rito, as pessoas jogavam as cinzas de ervas queimadas sobre a cabeça como símbolo de arrependimento perante Deus.

Atualmente, a Igreja Católica Apostólica Romana trata a Quarta-feira de Cinzas como um dia para a mortalidade ser lembrada. Missas são realizadas na data, e os participantes, abençoados com cinzas pelo padre que conduz a cerimônia. A testa dos celebrantes é marcada com o borralho e costuma ser deixada pelos cristãos até ao pôr do sol, antes de lavá-la.

Sua celebração pode acontecer no começo de fevereiro até a segunda semana de março. O posicionamento no calendário varia a cada ano, a depender do dia em que a Páscoa é comemorada.

No Catolicismo, é um dia de jejum e abstinência. E muitos fieis aproveitam os 40 dias, que sugere um momento de reflexão, para realizar um sacrifício. Chocolates, refrigerantes, bebidas alcoólicas e carne vermelha costumam ser os alimentos renunciados nesse período, que se estende até a Páscoa.

Lívia Machado Meneghel

Redação Folha Vitória

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *